/
/
Jornadas da Eletricidade e Eletrónica

Jornadas da Eletricidade e Eletrónica

Jornadas da Eletricidade e Eletrónica

A sexta edição das Jornadas de Eletricidade e Eletrónica da EPATV, no dia 3 de março, recebeu várias personalidades que abordaram uma diversidade de temáticas: das energias à sustentabilidade, passando pela biomédica e a impressão 3D.

A Diretora Pedagógica da EPATV, Sandra Monteiro, dispara o arranque, dando as boas vindas aos presentes e parabenizando o trabalho desenvolvido neste evento. Porém, cabe ao Engenheiro Pedro Sousa, representante da Toyota, iniciar a jornada com o tema “Energias Renováveis: Soluções Toyota, eficiência energética e ambiente”. Em jeito de introdução apresentou a Toyota Caetano, representante de cerca de 30 marcas em Portugal e Espanha, e expôs o novo Toyota Auris Hibrido, mais um modelo sustentável, adicionado à gama do Toyota Prius e Yaris Hibrido.

Além da sustentabilidade no sector automóvel, Pedro Sousa introduziu os sistemas híbridos, apresentando os componentes, o funcionamento e o controlo destes sistemas. A emissão de CO2 por sector entrega 23% da culpa aos transportes e a Toyota assume uma consciência sobre os efeitos do aumento do CO2, por isso estuda o carro hibrido há 45 anos, para fazer nascer o Prius em 1997 – a primeira viatura hibrida produzida em massa no mundo.

A voz que se segue é a de Graça Minas, Professora doutora na Universidade do Minho e investigadora no Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia, que fala de “Micro Laboratório de Análises Clínicas: Aplicações Biomédicas das Microtecnologias”. Em matéria de microtecnologia, os microssistemas nascem da combinação de microeletrónica e micromaquinagem, com uma mentalidade «Pensar grande, mas construir pequeno», referiu a investigadora. Com a relevância que estes sistemas apresentam nas análises laboratoriais, a elaboração e funcionamento de chips eletrónicos, possível graças à robótica e automação disponível nas “salas limpas”, faz a microeletrónica cada vez mais reduzida.

Para terminar a manhã, assistiu-se à apresentação “Instalações Elétricas do século XXI” do Engenheiro Sérgio Teles, da A.Touch. Da instalação convencional à domótica convencional, a instalação A.Touch é um dos sistemas de domótica mais completo do mercado. Este permite controlar a temperatura, luzes, entre outras ferramentas instaladas em habitações, de forma a controlar e reduzir o consumo de energia. Além dos interruptores inovadores esta é uma solução moderna que integra videovigilância, automação de luzes, estores, climatização e som ambiente, com a possibilidade de controlo, em qualquer parte do mundo, através de uma aplicação para smartphones. «A casa na sua mão» – anunciou.

Depois do almoço, o Diretor Geral da EPATV, João Luís Nogueira, reabriu o evento, com um discurso enquadrado na sustentabilidade, onde ressalvou: «Não basta ser um bom profissional, é necessário ser um bom cidadão com uma responsabilidade sustentável.».

É a vez dos engenheiros Agostinho Dias e Beatriz Salvador, por parte da Siemens, que desenvolveram o tema “Eficiência Energética com Conversores de Frequência Siemens”. Beatriz Salvador explicou que a utilização de conversores de frequência pode conduzir a poupanças de energia até 50%. Aliado à Digital Factory Motion Control, a Siemens permite à engenharia tornar-se mais eficiente através do sistema de controlo de movimento (MCS – Motion Control System).

Já na reta final, é o Designer Emanuel Ferreira, da Hello 3D Printing World, que faz uma demonstração de equipamento de impressão 3D. As peças impressas podem suportar mais de 80kg, se para isso forem construídas, caso contrário se não houver a necessidade de tão alta resistência, a impressora 3D pode ser programada para construir a peça com o interior oco. O principal objetivo e interesse neste equipamento de impressão 3D é criar peças que não se encontram facilmente no mercado, ou mesmo, que nem existem, como por exemplo, ferramentas e utensílios que facilitem determinado trabalho. Claro que a infinidade de peças que se constroem são, por norma, inovadoras, construídas pela imaginação ilimitada.

Para encerrar as jornadas deste ano, o Engenheiro João Poças, da Igus, Lda, apresentou polímeros autolubrificantes inseridos na indústria. Estas ferramentas de funcionamento a seco economizam dinheiro e aumentam a segurança das máquinas. “Plastics for longer life” evidencia a durabilidade dos rolamentos de plástico da Igus, livres de manutenção e amigos do ambiente.

Este evento contou com a presença especial do Diretor e vários professores e alunos do Instituto Martín Sarmiento. A instituição referida, sediada em Pontevedra, apresenta um ciclo formativo profissional, básico e bacharelato (grau superior que dá acesso à universidade). O conteúdo destas palestras, adapta-se ao ensino do instituto espanhol, pioneiro no lecionar da domótica. Apesar destas visitas ocorrem há vários anos, entre a EPATV e o Instituto Martín Sarmiento, o Diretor David Pérez, que visita a EPATV pela primeira vez, mostrou-se fascinado pelas instalações da escola. Evidencia ainda a importância de manter uma ligação entre as instituições, uma vez que a Eletricidade e Eletrónica são áreas comuns entre a EPATV e o Instituto de Educação Secundária Martín Sarmiento.

IMG_6208

IMG_6208

IMG_6208

IMG_6208

IMG_6208

IMG_6208

IMG_6208

IMG_6208

IMG_6208

IMG_6208

IMG_6208

Últimas Atualizações