EPATV vence concurso de ideias empreendedoras PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

EPATV vence concurso de ideias empreendedoras

A EPATV arrebatou o primeiro e terceiro prémio do Concurso de ideias empreendedoras do CLDS 3G, promovido pela Casa do Povo de Ribeira do Neiva em colaboração com o Centro Comunitário da Cruz Vermelha de Prado.

Na final, realizada na Casa do Conhecimento de Vila Verde, foram explicitados os seis projetos finalistas apresentados pelas Escolas de Vila Verde (num total de dez equipas iniciais). 

As seis equipas da EPATV e da Escola de Moure e Ribeira de Neiva, apresentaram as suas ideias empreendedoras perante um júri que incluía representantes da autarquia e de empresas de Vila Verde.

No final, o júri atribuiu o primeiro lugar ao projeto dos alunos João Príncipe e Saúl Martins; uma estrutura móvel de plantas aromáticas que se traduz na poupança de energia, através de um painel fotovoltaico e de água para rega, armazenando água da chuva. Estes dois alunos receberam 500 euros pela vitória.

O segundo lugar foi para uma App turística de Vila Verde apresentada por alunos da Escola de Moure e Ribeira de Neiva. com georreferenciação, que desafia a EPATV para uma parceria tecnológica.

O terceiro lugar – e um prémio de 200 euros – foi atribuído a outro projeto de alunos da EPATV, José Couto, Leandro Vilela, Micael Pereira e Paulo Barbosa (do primeiro ano de metalomecânica) que se predispõem a oferecer um serviço de cuidados para todos os animais ao domicílio. Trata-se de uma inovação, uma vez que os serviços existentes se limitam ao cão e gato. 

Este concurso de empreendedorismo do Conselho Local de Desenvolvimento Social (CLDS 3G) contou com dez candidaturas na primeira fase, tendo sido apuradas para a segunda fase as que cumpriram os requisitos da prova que ontem conheceu a fase final, na qual participaram mais três projetos de alunos da EPATV – explicou Maria João Couto, da Casa do povo de Ribeira do Neiva. 

O vereador Manuel Lopes justificou o apoio da Câmara Municipal de Vila Verde – a suportar os prémios de 500, 300 e 200 euros – e coube a João Pinto e Luís Braga apresentarem uma proposta de separador de roupas para lavar, conforme as cores, para invisuais e deficientes motores. 

Joel Ferreira e Paulo Faria apresentaram uma proposta inovadora de segurança para uma habitação, enquanto Luís Silva, Porfírio Santos, Paulo Araújo, Miguel Ferreira sugeriram uma rápida forma de carregamento de carros elétricos com substituição de baterias.

IMG_6208

IMG_6208